Entrevista com João Vianney – Hoper Educação – 23º CIAED

Compartilhe esse post:

João Vianney, Sócio e Consultor da Hoper Educação concedeu entrevista ao blog Ensino Privado no 23º CIAED e falou sobre as principais consequências do novo decreto que regulamenta o ensino à distância no Brasil.

Transcrição:

Ensino Privado: – “Estou aqui na presença do João Vianney, Sócio e Consultor da Hoper Educação. João, gostaria de entender, com a mudança da legislação do MEC, como fica o cenário do EAD no Brasil?”

João Vianney: – “Para o usuário fica muito melhor, porque vai baixar o preço, vai aumentar a quantidade de produtos, ofertas e vai ampliar o portfólio, assim o usuário sai ganhando. Para as instituições fica mais apertado, porque vai aumentar a competição, elas vão ter que disputar espaços cada vez menores. As consequências são a queda no preço, temos uma queda entre 15% a 25% do preço real de contratação, temos uma urgência no lançamento de novos modelos, a competição entres as IES estão lançando modelos inovadores no mercado, nas engenharias e enfermagem, por exemplo. Nós vamos ter que esperar dois anos para ver uma depuração natural para saber quem é que vai vingar nesse mercado, pois não tem espaço pra todo mundo. O próprio mercado vai selecionar quem fica. As principais mudanças no mercado são estas, aumento na competição, queda de preço e um tempo de dois anos para adequação do mercado.

Ensino Privado: – “E com relação à regionalização do EAD, existe uma tendência de crescimento ainda maior? Como por exemplo, das universidades locais trabalharem o ensino híbrido e o próprio ensino à distância, como vocês enxergam isso?”

João Vianney: – “Isto já existia antes do novo decreto, o fenômeno da regionalização do EAD antecede ao decreto, o que acontece é quando uma IES que tem tradição regional ou local, quando ela entra no ensino à distância, ela assume a liderança do segmento num raio de até 150 km. Isto já acontece, nós temos vários exemplos registrados e isto continua. Assim, isto leva a uma diluição do mercado, os grandes grupos até então ocupavam inclusive o espaço regional, agora as regionais estão crescendo e tirando espaço dos grandes grupos. Ainda que as líderes tenham conseguido centenas de polos, a média de aluno por polo vai cair, caracterizando a diluição do mercado.”

Assista a entrevista:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.