A sua instituição de ensino é uma empresa data-driven?

Compartilhe esse post:

A sua instituição de ensino realiza tomadas de decisões com base em informações? É impossível saber se um negócio está crescendo e evoluindo sem medir. Ter objetivos, métricas claras, saber avaliar e tomar decisões com base nestes indicadores é um excelente caminho para crescer em vendas de maneira sustentável.

O que é data-driven?

Ser data-driven consiste em tomar decisões com auxílio de informações coletadas das atividades desenvolvidas pela empresa. Data-driven marketing, por exemplo, é o marketing orientado a dados e refere-se a decisões e ideias que surgem a partir da análise das informações coletadas sobre o cliente.

OKR

Os objetivos e resultados chave, em inglês Objectives and Key Results (OKR), foi uma metodologia criada pela Intel e popularizada pela Google, que visa transformar o planejamento estratégico em ações e resultados tangíveis. Se você quiser conhecer mais sobre OKR indicamos o blog da Coblue.

O mais importante para tomar decisões com base em coleta de dados é a definição de objetivos e resultados chave. Para isto, sua instituição precisará olhar para dentro, criticar os pontos fracos e atacá-los com projetos de melhoria.

Por exemplo, a sua instituição deseja aumentar a receita em 10% no próximo ano. As matrículas na graduação presencial estão com a capacidade máxima, a modalidade EAD está performando bem, no entanto, as vendas da pós-graduação e cursos livres estão muito abaixo do esperado. Dessa forma, seus OKRs poderiam ser os seguintes:

OKR Global: Crescer 10% a receita com relação ao ano anterior

OKR de Marketing e Vendas:

  • Aumentar a fidelização da base de alunos entre graduação e pós-graduação
  • Pesquisar o mercado para oferecer melhores cursos livres e pós-graduação
  • Buscar alternativas de espaço físico para ampliar a graduação presencial
  • Desenvolver canais para reduzir o custo de aquisição de alunos na modalidade EAD

Após definidos, estes OKRs devem ser “quebrados” em pequenas tarefas e distribuídos de acordo com a capacidade do time.

Um convite

O blog Ensino Privado oferece um webinar especial para você! Acompanhe gratuitamente As melhores práticas de vendas para o ensino privado, com participação das empresas Exact Sales, Resultados Digitais e Mettzer.

Para assistir o Webinar acesse gratuitamente clicando aqui.

Métricas

As métricas, também conhecidas como KPIs (indicadores de performance), são sistemas de mensuração que quantificam uma tendência, comportamento ou variável de negócio, permitindo medir e avaliar o desempenho de qualquer ação de marketing e vendas.

Um dos maiores desafios do gestor de marketing e vendas é definir quais métricas acompanhar, por isso, faça uma reflexão sobre as necessidades mais urgentes da instituição e selecione as principais métricas relacionadas com o problema que se quer resolver.

Algumas métricas ligadas ao marketing e vendas de instituições de ensino:

  • Custo de Aquisição de Alunos;
  • LTV – Tempo em que o aluno permanece matriculado e pagando;
  • Evasão/Retenção/Engajamento;
  • Fidelização;
  • Taxa de satisfação dos alunos;
  • Taxa de retorno do investimento (ROI);
  • Crescimento da receita;
  • Crescimento da base de alunos;
  • Participação de mercado (local, regional, nacional).

Se a instituição nunca trabalhou com métricas será um grande erro construir um painel com dezenas de informações, isto irá mais atrapalhar do que ajudar. Comece de maneira simples e objetiva.

Resultados e benefícios

Siga o fluxo:

Estabeleça OKRs > Defina Métricas > Colete as informações > Analise os resultados > Tomada de decisão

O maior benefício de ser uma empresa data-driven é poder mensurar 100% o resultado das ações desenvolvidas, o que confere melhor controle e previsibilidade. Além disso, os dados podem ajudar sua instituição de ensino a oferecer cursos que resolvam uma necessidade intelectual latente do mercado, permitir que seu marketing se comunique com nichos cada vez menores e também automatizar etapas do marketing digital, enfim, inúmeras aplicações que impactam diretamente nas receitas da sua instituição.

A instituição como um todo pode se beneficiar com esta prática de acompanhamento e tomadas de decisão com base em dados. Os departamentos de marketing e vendas são apenas as portas de entrada.

Também indicamos a leitura destes artigos:

Data-Driven Marketing: o relacionamento inteligente na ponta do lápis

https://www.mundodomarketing.com.br/artigos/mauro-negrao/23832/data-driven-marketing-o-relacionamento-inteligente-na-ponta-do-lapis.html

Data-Driven: como a sua empresa pode atuar estrategicamente

http://www.neoway.com.br/data-driven-como-a-sua-empresa-pode-atuar-estrategicamente/

Boas vendas!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.