Mesmo sem saber programação a área de TI pode ser ideal para você

compartilhe

Você quer estudar e trabalhar na área de TI, mas não sabe lidar com programação? Temos a solução pra você! Venha conosco e descubra 7 áreas na tecnologia que não precisam de programação.


Trabalhar com Tecnologia da Informação (TI) é um sonho para muitas pessoas, afinal, a área não para de crescer, apresentando diversas vagas com remunerações bem interessantes.

Sem contar que, após os piores momentos da pandemia de Covid-19, nossa atividade em meio digital aumentou, trazendo novas demandas.

Entretanto, assim como muitos estudantes das Ciências Exatas querem escapar dos trabalhos que precisam de cálculo, aqui fica uma pergunta: quais são as áreas de TI que não precisa programar?

As linguagens de programação são, de fato, a parte central quando pensamos em internet, tecnologia e informática. Entretanto, é possível se introduzir no mercado sem trabalhar com elas.

Confira a seguir sete trabalhos que envolvem tecnologia que não requerem programação.

modelo de trabalho academico - baner

1. Analista de Dados

Em um trabalho na área de TI, se tem algo que pode ser tão utilizado quanto a programação são os bancos de dados. Afinal, a informação é a chave para que as empresas aperfeiçoem seus serviços e cheguem a mais clientes.

O analista se destaca dentro da Ciência de Dados. Ele trabalha interpretando aquela informação disponível, procurando por insights que possam alavancar um negócio.

A análise de dados é uma profissão na área de TI que não precisa aprender programação, pois não cria softwares, mas pode ser interessante ter noções de SQL.

Calma, apesar desta também ser uma linguagem, ela diverge bastante das outras, tendo um uso específico para bancos de dados.

2. Analista de Otimização de Mecanismos de Pesquisa

Conhecido como SEO (Search Engine Optimization, em inglês), estamos tratando, aqui, de um trabalho na área de TI muito importante para o marketing das empresas.

Esse analista atua em cima de técnicas que deixam os conteúdos de um negócio mais relevantes nos mecanismos de pesquisa, sendo melhor ranqueados na busca.

O analista de otimização de mecanismos de pesquisas irá averiguar as melhores palavras-chave, títulos e subtítulos, formatação dos textos, etc.

Ou seja, ela trabalha com a criação da estratégia, execução e gerenciamento de práticas que popularizam as páginas de seu cliente.

3. Analista de Qualidade de Software

Essa é uma grande oportunidade para quem gosta de trabalhar com softwares, porém não quer mexer com programação.

O analista de qualidade de software testa os programas, antes de seu lançamento, para verificar se estão funcionando como o esperado.

Entre verificações manuais e automatizadas, esse profissional irá testar usabilidade, integração, performance, escalabilidade, segurança, estabilidade, etc.

Quanto mais ao limite o tester levar um software, maior será a chance de localizar bugs e corrigi-los.

4. Analista em Web Analytics

Mais uma profissão na área de TI que não precisa programar, o analista em web analytics também trabalha com marketing digital, bem próximo do SEO.

Este é o responsável por acompanhar o desempenho de uma página na internet, observando, principalmente, acessos e vendas.

Sua tarefa não é tão simples, não consistindo apenas em apresentar dados sobre os negócios de seus clientes.

Aqui, você deverá mensurar diversos fatores, como por exemplo:

  • experiência dos clientes;
  • desempenho de campanhas;
  • quantidade de acessos por dias e horários;
  • vendas;
  • quantidade de dados dos usuários, etc.

Além disso, a chave da profissão é localizar insights para potencializar uma marca.

5. Especialista em E-commerce

Apesar de todos os enormes problemas causados com a pandemia, a internet encontrou um espaço para se fortalecer e entrar mais no cotidiano da sociedade.

Uma das áreas que mais ganhou destaque foi o comércio virtual, que deixou livros, remédios, alimentos, roupas, etc a um clique de distância das pessoas.

O analista em e-commerce é aquele que cria as estratégias de vendas digitais e acompanha esse processo em uma empresa.

Apesar de não lidar diretamente com a programação, é interessante que possua algum conhecimento sobre ela, afinal, irá lidar diretamente com sites e aplicativos.

6. Gerente de Produto

É o profissional responsável por criar um planejamento e garantir o bom funcionamento de cada etapa da construção de um produto.

É importante que, para entrar nesse trabalho, você tenha conhecimentos tanto sobre tecnologia quanto sobre gestão.

Apesar de estar intimamente ligado ao desenvolvedor, essa é uma área de TI que não precisa de programação. Entretanto, é importante ter alguma noção, já que seus principais produtos são sites, aplicativos mobile e softwares.

7. User Experience Designer

Para finalizar as áreas de TI que não precisam de programação, vamos falar dos designers de experiência do usuário (UX).

Ele é o profissional que irá desenhar um programa ou site, pensando sempre no valor que ele terá para o cliente final.

Seu trabalho estará bem envolto no do desenvolvedor front-end, afinal, a programação deverá ser desenvolvida de acordo com o imaginado pelo UX.

Para desempenhar suas tarefas com sucesso é preciso conhecer os usuários, as estruturas que os produtos devem ter e se basear nos insights indicados pelos dados.

A Mettzer pode ajudar nos seus estudos

Bom, independentemente da área que você decidir seguir, uma coisa é fato: você vai precisar estudar.

Nesse percurso, para ajudar nos seus estudos, você pode contar com a Mettzer.

Isso porque a Mettzer tem o melhor editor de texto para fazer as suas anotações de aula. Você pode criar, organizar e carregar suas anotações para qualquer lugar.

Afinal de contas, você pode acessar o editor de qualquer dispositivo: no aplicativo ou no navegador. De qualquer computador ou celular. É só digitar seu e-mail e sua senha de acesso.

E a melhor parte: você não precisa pagar nada por isso. As anotações de aula fazem parte do nosso plano gratuito.

Se interessou? Você pode experimentar 🙂

anotações de aula
compartilhe

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Teste agora nosso editor que formata trabalhos nas Normas da ABNT e APA

Modelos customizáveis de acordo com sua universidade