Google Scholar, 3 formas que ele vai facilitar seu TCC

busca no google scholar
Compartilhe esse post:

A internet é atualmente uma das principais ferramentas utilizadas por estudantes e pesquisadores de todo o mundo. Foi pensando nisso que o Google, o maior buscador da internet, resolveu criar em 2004 o Google Scholar.

Mais uma entre as diversas opções para buscar trabalhos acadêmicos, com um vasto acervo de publicações de artigos científicos.

Conhecida como Google Acadêmico em português, a ferramenta permite a procura por trabalhos acadêmicos, literatura escolar, periódicos e artigos variados. A partir de 2006 passou a oferecer a opção de buscas em nosso idioma.

Se você está na fase de produzir o TCC ou qualquer outro trabalho acadêmico, essa é uma ferramenta que pode fazer toda a diferença nesse processo.

1 – Google Scholar apresenta fontes confiáveis e relevantes

Uma vez que é alimentado por pesquisadores e por periódicos e revistas científicas, o Google Scholar apresenta fontes de alta qualidade e relevância, algo que é de extrema importância em trabalhos acadêmicos.

Os materiais lá dispostos vêm de revistas e periódicos de qualidade, como a Scielo.

A plataforma disponibiliza a informação de quantas vezes cada trabalho já foi citado por outros pesquisadores, expondo a sua relevância para o assunto em questão e contribuindo com a credibilidade da fonte.

Ao pesquisar por um tema ou palavra-chave, o trabalho mais citado irá aparecer em primeiro lugar nas buscas.

O Google scholar entende que, quanto mais citada for a pesquisa, mais relevante ela é. Esse dado é importante pois favorece o reconhecimento de um trabalho científico expressivo para a comunidade acadêmica.

Com tantas referências de qualidade em um só lugar, o processo de produção de sua monografia será mais fácil e rápido.

2 – É fácil de usar, assim como o Google

O Google Scholar funciona de maneira semelhante ao buscador Google, que já estamos habituados a usar em nosso dia a dia.

Isso vai facilitar o seu trabalho e otimizar seu tempo, sem que seja necessário decifrar como funciona a plataforma.

Ao digitar o assunto ou palavra-chave de interesse no campo de busca, os resultados são exibidos conforme um critério de relevância, assim como funciona no próprio Google.

Outros critérios também são levados em consideração, como o local onde foi publicado e o renome da pesquisa.

3 – Possui funções diferenciadas

Essa talvez seja a maior vantagem do Google Scholar em comparação com outras ferramentas de busca acadêmica, já que as funções oferecidas podem ser grandes facilitadoras no processo de pesquisa.

Essas opções também são gratuitas, no entanto é preciso estar logado na plataforma para poder usufruir delas.

A função “Minha Biblioteca”, por exemplo, possibilita que o usuário crie uma biblioteca própria, incluindo apenas conteúdos de seu interesse.

Dessa forma, você pode salvar conteúdos para ler depois. Para salvar um conteúdo basta clicar no ícone de estrela localizado embaixo de cada artigo. Depois, é só acessar a sua biblioteca através do menu superior localizado do lado esquerdo.

Outra função bastante interessante é a “Minhas Citações”. Já imaginou obter as referências bibliográficas já prontas de um material?! Pois é isso que essa função faz.

Ela disponibiliza informações de como citar trabalhos em três formatos: nas normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), da MLA (Modern Language Association) e da APA (American Psychological Association).

Para ter acesso a esses dados, é só clicar no ícone de aspas localizado abaixo de cada artigo.

Se você possui outras dúvidas com relação à ABNT, conheça o Mettzer, nossa plataforma adaptada para corrigir textos e TCC. Acesse e confira como é fácil!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.