A carta de intenção e sua importância para os novos desafios que te aguardam

compartilhe

A carta de intenção é o documento no qual a pessoa candidata deverá apresentar alguns elementos essenciais ao entendimento de suas intenções à vaga proposta


Sumário

  1. O que é uma carta de intenção?
  2. Para que serve a carta de intenção?
  3. Como fazer uma carta de intenção?
  4. Estrutura de uma carta de intenção
  5. Modelo de carta de intenção

Imagine que você está procurando um estágio ou participação em um curso de especialização (pós-graduação, mestrado, doutorado)  e tudo parece normal até que você se depara com o seguinte: “Por favor, envie um currículo e uma carta de intenção”.

Afinal, o que seria uma carta de intenção? Resumindo, é um documento que ajuda o candidato a se apresentar à empresa, mostrando as suas motivações e objetivos com a vaga desejada.

Você precisa fazer uma carta de intenção e não sabe por onde começar? Vem comigo, aqui você vai aprender o que é e como fazer a sua, assim, você vai conseguir aquela vaga tão esperada.

O que é uma carta de intenção?

A carta de intenção, como seu próprio nome diz, é um documento declarando suas intenções para uma determinada vaga. É nela que você expõe seus conhecimentos e dá os motivos pelo qual você se encaixa no perfil do processo seletivo.

Para o mestrado ou doutorado, a carta de intenção tem como objetivo que a instituição de ensino conheça melhor as qualidades e habilidades da pessoa candidata.

Ah, e para quem quer fazer um intercâmbio e estudar em uma universidade fora do país, este documento é um passo muito importante na candidatura.

Já no processo seletivo para trabalho (seja estágio ou qualquer outra modalidade), poderá ser solicitada a carta de intenção de emprego, ou carta de justificativa de interesse. Nela, a pessoa candidata aborda suas experiências profissionais e outras informações solicitadas.

De forma geral, ela serve para que os recrutadores conheçam os candidatos, indo além das informações que estão no currículo.

No Brasil não é muito comum, porém agrada a maioria dos recrutadores, pois é possível entender melhor as habilidades e motivações da pessoa candidata.

Para que serve a carta de intenção?

Como você viu, a carta de intenção é utilizada para avaliar a capacidade profissional da pessoa candidata. Entenda as principais funções da carta de intenção:

  • Processo seletivo para emprego: Conhecer melhor as habilidades da pessoa candidata e analisar seu conhecimento a respeito da área;
  • Processo seletivo para estágio: Analisar as experiências acadêmicas que a pessoa universitária prestou durante a faculdade;
  • Processo seletivo para mestrado e doutorado: Avaliar as intenções profissionais e quais suas pretensões no mercado de trabalho. 

Viu só? A carta de intenções pode ser pedida em qualquer tipo de entrevista. Então, é bom estar preparado para que você escreva a sua.

plataforma

Como fazer uma carta de intenção?

Você viu como a carta de intenção funciona e seus principais objetivos. E agora, como fazer uma carta de intenção? Bom, existem alguns passos que devem ser seguidos para deixar sua carta bem escrita e com todas as informações necessárias.

Lembre-se que a carta de intenção é um texto mais pessoal (não informal) que o currículo. Então, faça um resumo sobre suas qualificações acadêmicas ou profissionais e também, fale um pouco sobre você mesmo.

Confira nossas dicas para você começar a escrever.

Mostre seu interesse pela vaga

É muito importante que você deixe claro suas intenções com a vaga. É preciso que você mostre afinidade pelos requisitos exigidos. 

Mostrar-se animado de fazer parte do projeto/emprego é muito importante para que você consiga boas oportunidades.

Fale sobre suas experiências

Diferente do currículo, na carta de intenção você tem mais liberdade para falar sobre suas experiências. Assim, você pode dar suas opiniões sobre elas.

Então, aproveite para falar sobre seus aprendizados, oportunidades de desenvolvimento, o que você está estudando atualmente, sinta-se livre.

Feito isso, o recrutador irá te conhecer melhor e entender que você se encaixa na vaga. Caso você tenha tido experiências negativas, pode compartilhar, só evite difamar a empresa anterior. 

Mostre seus diferenciais

Você é uma pessoa comunicativa e adora trabalhar em equipe? Se sim, esses são alguns dos diferenciais que você pode abordar em sua carta de intenção. Qualidades profissionais são muito importantes para quem está lendo sua carta.

O objetivo aqui é mostrar para a empresa/instituição o quanto você pode agregar na equipe. Caso você não tenha muitas experiências profissionais, foque nas atividades que tenha feito durante a graduação.

Fale sobre seus objetivos profissionais

Independente se for uma vaga de trabalho ou estudo, é muito importante você falar sobre suas ambições profissionais, ou seja, qual seu objetivo para a vaga ofertada? Onde você quer chegar e como essa vaga pode te ajudar a alcançar seus objetivos?

É importante que você mostre ao recrutador que você tem comprometimento e fará bom uso dessa vaga.

Estrutura de uma carta de intenção

A estruturação da sua carta de intenção pode variar de acordo com a vaga almejada. Por isso, tenho para você um exemplo de carta mais genérica. Nele você entenderá o que colocar na sua carta, vem comigo. 🙂

Introdução

Primeiramente, você precisa estar atento às informações básicas do destinatário. Então, na introdução da sua carta de intenção devem constar os dados de identificação, como: local, data e destinatário. 

Além do mais, deve conter o nome da instituição ou empresa para qual a carta está sendo destinada.

Sua apresentação é muito importante

Caprichar em sua apresentação é essencial, por isso, fale dos pontos que você considera importante em sua jornada, como: cursos, idiomas que aprendeu e muitas outras coisas.

Fale sobre suas habilidades

Após a introdução, você já pode mostrar ao destinatário da carta quais são suas habilidades e porquê você se encaixa no perfil. 

Fale sobre suas experiências profissionais e acadêmicas, deixe claro suas intenções e capacidades para a vaga desejada.

Para isso, você deve fazer uma análise sobre seu histórico de habilidades profissionais, estudos e pesquisas que você já realizou. Caso tenha várias, veja qual se encaixa no perfil da vaga desejada. Lembre-se que cada carta deve conter o conteúdo específico dependendo do tipo da vaga. 

Mostre suas motivações

Aqui, você irá falar sobre o por que você está decidindo ir por esse caminho. Fale sobre a importância da vaga para você e dê os principais motivos pelo qual você merece a vaga.

Fale sobre a empresa ou instituição de destino

Depois de falar um pouco sobre você, chegou a hora de falar sobre a instituição ou empresa em que você irá mandar a carta. Por isso, faça uma breve pesquisa, assim, mostra que você conhece a instituição de onde você quer fazer parte.

Conclusão

Para finalizar, agradeça pelo tempo e se coloque à disposição para maiores esclarecimentos ou uma possível entrevista. 

Assim, você terá feito a sua carta de intenção. Lembre-se, caso você esteja se candidatando para uma vaga de doutorado ou mestrado, as entrevistas costumam ser presenciais, mas você pode verificar isso diretamente com o destinatário da carta.

Modelo de carta de intenção

Como existem diversos tipos de cartas de intenção, trouxe para você alguns modelos que vão te ajudar a reconhecer o padrão de cada uma delas. 

Lembrando que estes são apenas exemplos e que dependendo da finalidade proposta, como:  candidatura de emprego, ou uma seletiva de mestrado, projeto de extensão ou iniciação científica para doutorado, o conteúdo precisa ser modificado e ir de acordo com o exigido. 

Modelo de carta de intenção para pós graduação

Fonte: Elaine Antonio Nunes

Esse mesmo modelo pode ser utilizado para para mestrado, basta adaptar o conteúdo.

Carta de intenção para vaga de emprego

Para conquistar aquele estágio ou emprego dos sonhos, saiba que muitas empresas pedem por uma carta de intenção. Veja um exemplo:

Fonte: Tiago Vargas Dal Carobo

Carta de intenção para intercâmbio

Como você viu, a cara de intenção serve para várias modalidades, então se você deseja estudar fora do país, comece a treinar sua escrita. Veja um exemplo:

Fonte: Maurício O. Coelho M.

Conte com a Mettzer em sua vida acadêmica

Escrever não é uma tarefa fácil, mas saiba que nós podemos te ajudar!

Isso porque, independentemente do tipo de trabalho – seja um TCC, uma monografia, dissertação e até tese – e da área do conhecimento, você deve respeitar as normas da ABNT e normas APA.

A Mettzer conta com o melhor editor de texto do mercado, que formata de forma automatizada qualquer trabalho nas normas ABNT: desde a capa até às referências bibliográficas.

Inclusive, você pode começar seu texto a partir de um modelo de trabalho de aula. Incrível né?

Assim, você ganha tempo e tranquilidade e pode se dedicar exclusivamente ao que importa, que é o conteúdo do seu texto.

Se interessou? Você pode fazer um teste gratuito por 7 dias.

Nem precisa cadastrar o cartão para fazer o teste 🙂

compartilhe

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Teste agora nosso editor que formata trabalhos nas Normas da ABNT e APA

Modelos customizáveis de acordo com sua universidade