5 etapas para fazer metanálise no seu trabalho

5
(1)

A metanálise é, de forma geral, uma forma de fazer uma revisão sistemática no trabalho. Ou seja: de organizar e escrever a fundamentação teórica de um trabalho.

Quer aprender a fazer uma metanálise? Então, você vai gostar de conhecer esse guia 🙂

O que é metanálise?

A metanálise é uma técnica estatística para cruzar dados de diferentes pesquisa científicas sobre um tema.

Em outras palavras, é uma forma de fazer uma revisão sistemática da bibliografia do trabalho.

Então, é possível sintetizar, combinar e resumir conclusões de outras pesquisas, para formar a revisão bibliográfica do seu trabalho.

Por que fazer e usar a metanálise no trabalho acadêmico?

A metanálise garante a confiabilidade e a qualidade técnica das revisões. Isso porque requer que se agrupem e se padronizem os dados. Só depois, é possível fazer a análise.

Essa técnica começou a surgir como parte importante das pesquisas a partir da década de 70. Desde então, tem se tornado uma forma habitual de sintetizar evidências e resumir os resultados de estudos individuais.

Então, para chegarmos em conclusões válidas, não se deve partir de uma única pesquisa. Deve-se combinar vários estudos distintos.

É nesse contexto que a metanálise surge como um fator relevante para combinar esses estudos diferentes.

5 passos para fazer uma metanálise

É possível desenvolver a metanálise do seu trabalho a partir de 5 etapas:

1. Identificar o problema de pesquisa

Você já sabe que todas as pesquisas partem de um problema de pesquisa, certo?

Pois bem. para realizar a metanálise deve-se ter em vista qual é a pergunta que o trabalho quer responder. Quais são os objetivos do trabalho.

Só então é possível combinar todos os dados.

2. Faça a pesquisa bibliográfica

Esse é o segundo passo. Você deve buscar bibliografias sobre o tema do seu trabalho. Ou seja: a conclusão de outros trabalhos sobre o seu tema de pesquisa.

Nesse ponto, é importante fazer pesquisas de artigos em bases de dados confiáveis, como Google Acadêmico e Scielo.

3. Defina os critérios de seleção e inclusão

Depois disso, você deve criar critérios de inclusão e de exclusão para as pesquisas. Isso significa que você vai incluir apenas trabalhos que condizem com os seus critérios.

Além do mais, serão incluídos apenas trabalhos que têm relevância direta para responder ao questionamento da pesquisa.

É importante escrever um prisma da revisão. Quer dizer, um checklist e um fluxograma que compreende os itens que delineiam a redação de uma revisão sistemática, quando ela já estiver pronta.

O objetivo do prisma é ajudar a melhorar o relato de revisões sistemáticas e metanálises. Além do mais, o prisma também pode ser útil para avaliação crítica de revisões sistemáticas. Mas não deve servir como uma ferramenta para avaliar a qualidade de uma revisão.

Hoje em dia, grande parte das revistas solicita que se anexe o checklist na hora de se submeter a revisão sistemática.

4. Extração de dados

Além do mais, você deve extrair as conclusões dos artigos e dos trabalhos de relevância para a pesquisa.

Essas são as informações que serão combinadas posteriormente.

5. Realizar a metanálise básica

Por fim, você pode contar com diversos tipos de softwares para fazer a combinação final dos dados.

Formatação automática nas normas da ABNT

Como você viu, desenvolver a revisão sistemática de um trabalho acadêmico exige muitos detalhes, mas não é tão complicada assim.

Mesmo porque você pode utilizar alguns caminhos para facilitar esse percurso.

Então, se precisar de ajuda, pode contar com o Mettzer.

O Mettzer é um editor de texto que formata todo o seu TCC, de forma automática, nas normas da ABNT.

Apresentação Geral - Mettzer

Assim, você pode dedicar todo o seu tempo ao que realmente importa, que é o conteúdo da sua pesquisa.

Viu? Todo o processo fica muito mais prático e rápido.

Teste já e veja como o Mettzer pode te ajudar!

O que você achou disso?

Mande corações

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Junte-se aos mais de 750 mil estudantes que usam o Mettzer todos os dias

Das anotações de aulas até a tese de doutorado

Você nem precisa cadastrar o cartão para testar!

Contato


Parque Tecnológico Alfa – módulo 10, SC-401 – João Paulo, Florianópolis – SC, 88030-000
suporte@mettzer.com

Recursos



A plataforma que ajuda estudantes, pesquisadores e universidades a desenvolver pesquisas e trabalhos acadêmicos.