Resumo e abstract do TCC: aprenda como fazer nas normas ABNT

|
Tempo médio de leitura: 6 minutos
()

Publicado em 08 de junho de 2017. | Atualizado em 06 de janeiro de 2020.

Aprenda como fazer o resumo e o abstract para seu trabalho acadêmico de forma fácil com essas dicas.


O resumo e o abstract do TCC são os cartões de visita da pesquisa. Por isso, são partes bem importantes de um trabalho acadêmico.

Junto ao título, são responsáveis por despertar ou não o interesse do leitor em ler sua pesquisa.

Não há espaço para reflexões ou divagações no resumo e o abstract do TCC.

Além da limitação da quantidade de texto, que exige concisão, é necessário escrevê-los de forma objetiva e interessante.

Logo de cara, você deve deixar muito claro do que se trata seu projeto de pesquisa ou trabalho acadêmico.

A ABNT define resumo e abstract da seguinte forma:

“Uma apresentação concisa dos pontos relevantes de um texto, fornecendo uma visão clara e rápida do conteúdo e das conclusões do trabalho” (ABNT, 2011, p.4).

O abstract é uma versão do resumo em inglês. Mas não é uma tradução direta e literal. O foco é traduzir as ideias e não só as palavras.

Bom, ter um passo a passo sobre como fazer resumo e abstract de TCC facilitaria bastante a vida, não é mesmo?

Foi com esse objetivo que preparei esse post. Ao final, espero que você já se sinta seguro para escrever o seu resumo 🙂

PASSO A PASSO DE COMO FAZER O resumo de TCC nas normas abnt

O resumo é um elemento pré-textual obrigatório nos trabalhos acadêmicos. Isso significa dizer que não dá para pular essa parte.

Então, vamos entender melhor como fazê-lo. Vamos lá.

De maneira geral, o resumo é um apanhado da introdução e das considerações finais do seu trabalho.

Por isso, é recomendável que você escreva o resumo por último. Afinal de contas, você vai precisar do restante de informações para escrevê-lo.

Passo 1: O que é – contexto

Em primeiro lugar, para iniciar o resumo e abstract, você deve apresentar ao leitor do que se trata seu trabalho. Ou seja, qual é o problema que você está investigando e a sua relevância.

Logo aqui, nas primeiras linhas, você precisa criar um contexto que desperte a curiosidade e o interesse para a leitura.

Passo 2: Por quê? – Descreva o objetivo do trabalho

Com base no problema ou na situação investigada, seu trabalho já precisa dizer a que veio. A forma de descrever um objetivo varia de acordo com o estudo realizado.

Seu trabalho pode se propor a analisar diferentes aspectos de um mesmo problema, a compreender um fenômeno, ou então, a “apresentar uma solução para reduzir a produção de energia não renovável”, por exemplo.

Em resumo, você conta o porquê do seu TCC existir.

Passo 3: Como? – Método utilizado

O terceiro passo é você explicar, de maneira breve, como seu trabalho foi feito, qual metodologia utilizou.

Conte ao seu leitor se você realizou um estudo de caso, um experimento, uma pesquisa quantitativa e/ou pesquisa qualitativa etc.

Passo 4: Resultados

Apresente os resultados mais relevantes do seu estudo, sejam eles positivos ou negativos.

Descreva-os de forma sucinta, de maneira a despertar a curiosidade e o interesse em quem lê.

Passo 5: O que você concluiu?

Por fim, seu resumo deve trazer as principais conclusões sobre tudo o que você leu, pesquisou e desenvolveu.

Aqui, também é possível mencionar como o seu trabalho poderá contribuir para o entendimento do objeto ou fenômeno estudado ou como servirá de base para pesquisas futuras.

resumo e abstract

Palavras chave na ABNT

Segundo a ABNT, o resumo e o abstract devem apresentar no mínimo 3 palavras-chave, separadas por “ponto e vírgula”.

Essas palavras devem apresentar de maneira direta os principais tópicos abordados em seu trabalho.

Muitas vezes essas palavras chave são usadas para encontrar o seu trabalho em diretórios acadêmicos como o Google Acadêmico por exemplo.

Abstract do TCC

Além da língua vernácula (no nosso caso, a Língua Portuguesa), seu TCC deve apresentar o resumo também em língua estrangeira, normalmente na Língua Inglesa (abstract).

Você pode estar se perguntando: mas qual é a necessidade de traduzir o resumo para outro idioma? Isso é feito para que pesquisadores estrangeiros possam encontrar sua pesquisa.

Caso eles se interessem, buscarão traduzir todo o artigo.

Conforme o tipo de trabalho e o direcionamento da sua pesquisa, o resumo também pode ser feito em outras línguas, como o Espanhol (resumen) ou o Francês (rèsumé).

Se você não possui domínio da língua estrangeira e não tem conhecimento sobre especificidades do idioma, não confie em uma simples tradução do Google Tradutor.

Resumo e abstract não são simplesmente uma tradução termo a termo um do outro. É preciso manter os significados e contexto do resumo com precisão acadêmica.

Então, faça seu abstract com o apoio de um especialista na língua em que o resumo será escrito.

normas abnt para resumo e abstract

  • O resumo e o abstract devem variar entre 100 e 500 palavras (dependendo do tipo de trabalho e de suas exigências específicas, 100 para artigos e 150 para TCC), todas em um único parágrafo, sem quebra do texto.
  • O texto deve ser escrito na 3ª pessoa do singular, com verbo na voz ativa. Exemplo: “Este trabalho apresenta uma análise sobre a situação política do Brasil [...] Verificou-se que, diante do cenário de incertezas...”;
  • Evite abreviações e não use citações bibliográficas;
  • Não esqueça de incluir as palavras-chave, separadas por “ponto e vírgula”.

Formatação na abnt do resumo e abstract

O titulo do resumo deve respeitar a fonte escolhida pelo autor do trabalho (Arial ou Times New Roman). O tamanho da fonte deve ser 12, todo em maiúsculo com negrito e o alinhamento do texto deve ser centralizado.

Ao longo do texto, a fonte deve ser tamanho 12 e sem recuo na primeira linha do parágrafo. O espaçamento entre linhas deve ser simples.

As palavras-chave devem ser separadas do texto por um espaço de 1,5 entre linhas e as palavras precisam ser separadas por um espaço e ponto e vírgula. Ex.:

Palavras-chave: Resumo; Abstract; Mettzer.

E se fôssemos escrever um resumo deste post, de acordo com as normas ABNT para trabalhos científicos?

Este resumo poderia ser mais ou menos assim:

RESUMO

Este post apresenta um passo a passo sobre como escrever o resumo e o abstract de trabalhos científicos. A partir da observação das dificuldades enfrentadas por estudantes e pesquisadores inseridos na vida acadêmica em redigir o resumo e o abstract de seus trabalhos de conclusão de curso, principalmente no período de graduação, verificou-se a necessidade da produção e publicação deste trabalho. Para tanto, elencou-se os padrões estabelecidos pela Associação Brasileira de Normas Técnicas, juntamente com as principais recomendações sobre a redação de resumo e abstract para trabalhos científicos. O formato passo a passo foi escolhido com o objetivo de facilitar a compreensão do material proposto. Com esta publicação, espera-se que alunos e pesquisadores sejam capazes de fazer resumos e abstracts claros, concisos, que representem fielmente seus trabalhos e despertem o interesse de seus leitores. Também que descubram a praticidade e eficiência de uma ferramenta online, como o Mettzer, capaz de realizar automaticamente toda a formatação de seus trabalhos acadêmicos, já de acordo com a Associação Brasileira de Normas Técnicas.

Palavras-chave: Resumo; Abstract; Mettzer.

FORMATAÇÃO AUTOMÁTICA NA ABNT DO RESUMO E ABSTRACT

Se você precisa fazer o resumo e o abstract de um TCC, de uma dissertação ou de uma tese, pode contar com a ajudar do Mettzer.

O Mettzer é um editor de textos que formata automaticamente todo o seu trabalho segundo as normas ABNT.

Além de ser uma alternativa rápida e prática, você evita correr o risco de deixar qualquer erro de formatação passar batido pela sua revisão.

Confira a seguir como é fácil fazer seu resumo pela nossa plataforma:

Para fazer a seu resumo e abstract pelo Mettzer, basta acessar a nossa ferramenta e, no menu do lado esquerdo, clicar em “RESUMO”. O formato básico exigido pelas Normas ABNT é automaticamente disponibilizado pelo Mettzer

Ou seja, basta que você clique em cada um do campos indicados para inserir os seus dados e as informações do seu trabalho.

Faça o teste gratuito por 7 dias!

O que você achou disso?

Mande corações

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

20 comentários em “Resumo e abstract do TCC: aprenda como fazer nas normas ABNT”

    • Oi, Fábio. Tudo bem?

      Acho que não entendi bem sua dúvida.
      Um autor que faça resumo sobre o que?

      Podes me explicar melhor?

      Um abraço.

      Responder
  1. Só lembrando que a ABNT não especifica o número mínimo e máximo de palavras-chave no resumo. Esse critério é adotado por IES, que normalmente variam de 3 a 5 palavras-chave

    Responder
  2. Tenho uma dúvida! O resumo tem restrição de páginas ou o único critério é o número de palavras? O meu resumo apresentou um total de 395 palavras que se organizaram em 1 página completa e duas linhas de outra página!

    Responder
    • OI Henrique, tudo bem?

      Geralmente o resumo fica em apenas uma página no trabalho. Você está com alguma formatação diferente da ABNT? Seja de tamanho de fonte, espaçamento ou margens?

      Abraços

      Responder
  3. A minha dúvida é se o resumo e o Abstract podem estar na mesma página ou se pela norma eles devem estar em páginas distintas?

    Responder
  4. As palavras-chave não estão segundo as normas da ABNT (devem ser separadas por ponto), nem a quantidade de palavras a serem escritas são a partir de 100 palavras e sim no mínimo 150 e máximo de 500. Dependendo do trabalho a ser feito… neste caso é o TCC.

    Responder
  5. Uma dúvida. No texto do resumo posso fazer menção ao meu referencial teórico? Ex, assumimos neste TCC uma concepção de lingua, como postulado por Bakhtin(2003).

    Responder
  6. Há aí uma discordância. Segundo a Norma 6028 da ABNT, as palavras-chave devem ser separadas por ponto e finalizadas também por ponto.

    Responder
  7. Muito bom o post! Me ajudou muito.
    Só uma consideração, seu resumo não está 100% nas normas, pois está com o texto alinhado à esquerda e não justificado, rsrsrs.
    Obrigado!

    Responder
    • Boa observação rsrs
      Embora possa se entender pela licença poética, colocar o texto justificado no WP é algo tão simples que acredito que o autor esqueceu.

      Responder
      • Sim. Acredito que quando ele se referia a “de acordo com formatação e recomendações ABNT”, queria dizer apenas ao jeito de organização de um resumo… e como vc disse, esqueceu do alinhamento rsrs

        Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.