Organize o seu conhecimento: aprenda como fazer fichamento de forma fácil e eficiente

compartilhe

O fichamento pode te ajudar muito no processo de escrita dos seus trabalhos. Confira essas dicas a aprenda como fazer.

Publicado em 28 de janeiro de 2019. | Atualizado em 29 de novembro de 2023.


Sumário

  1. O que é um fichamento?
  2. Qual a importância do fichamento?
  3. Tipos de fichamento
  4. Fichamento nas normas da ABNT
  5. Qual é a diferença entre fichamento, resumo e resenha?
  6. Como fazer um fichamento?
  7. Modelo de fichamento

Imagine a cena. Você precisa escrever um trabalho e retomar as ideias de todos os livros e artigos que leu durante a faculdade. Todos. A lista de livros é imensa. Como fazer para lembrar as ideias de cada um?

Esse é o objetivo deste tipo de trabalho: organizar e concentrar as principais ideias da obra.

Só que antes de mais nada, é necessário esclarecer que fichamento não é um resumo. O resumo é a sintetização de todo objeto. O fichamento, por outro lado, é feito em tópicos em fichas, apenas das partes mais importantes da obra.

De forma geral, quando o fichamento é para uso pessoal, a formatação e a estrutura acabam sendo mais livres.

Contudo, quando é solicitado como uma forma de avaliação no curso, começam a surgir dúvidas por todos os lados: desde o limite de páginas, a formatação e até o modo de impressão!

Mas, calma. Esse post é para tirar todas as suas dúvidas. Se, ao final, você achar que alguma questão não for respondida, não hesite em nos escrever, ok? Nós adoramos conversar.

O que é um fichamento?

Como eu já disse, o fichamento pode ser cobrado como uma forma de avaliação de alguma disciplina durante a faculdade.

Contudo, a maior utilidade desse tipo de trabalho é na etapa de construção do referencial teórico do TCC, da dissertação ou da tese.

Ao utilizá-los, é possível organizar as ideias e ter controle sobre todo o conteúdo que você já acessou sobre o tema.

Como o próprio nome já diz, ele significa “organizar em fichas“.

Então, ele até pode parecer complicado e trabalhoso no início, mas, depois, você percebe que ele é uma mão na roda para economizar tempo e te ajudar no processo de desenvolvimento do trabalho.

Afinal, de qualquer forma, você terá que realizar uma revisão da literatura sobre o tema que você escolheu e a utilização de fichamentos te dará mais segurança e organização.

tempo de formatação

Qual a importância do fichamento?

A importância de fazer um fichamento é por conta da sua capacidade de ser uma ferramenta valiosa para a organização e o estudo eficiente de informações relevantes. Veja mais motivos:

  1. Síntese e compreensão: Ao realizar um fichamento, você condensa as informações-chave de um texto, permitindo uma compreensão mais clara e concisa. Isso facilita o processo de estudo e revisão posteriormente.
  2. Organização: Esse documento ajuda a organizar ideias, conceitos e argumentos de diferentes fontes em uma estrutura coerente. Ele permite que você identifique rapidamente informações relevantes e estabeleça conexões entre os textos.
  3. Referência futura: O fichamento atua como um registro que pode ser consultado posteriormente. Ao criar fichas ou anotações estruturadas, você pode acessar facilmente informações importantes para trabalhos acadêmicos, projetos de pesquisa ou outros empreendimentos.
  4. Evitar o plágio: O fichamento é uma prática acadêmica ética, pois incentiva a referência adequada às fontes. Ao registrar a autoria de ideias e citações, você evita o plágio e garante a integridade acadêmica.
  5. Estímulo à reflexão: Ao fazer um fichamento, você é incentivado a refletir sobre o conteúdo do texto. Essa prática promove o pensamento crítico, ajuda a desenvolver habilidades de análise e fortalece sua capacidade de argumentação.

Características de um fichamento bibliográfico

Sendo assim, em resumo, as principais características de um fichamento bibliográfico são:

  • Servem para identificar outros livros e artigos sobre o tema de pesquisa;
  • Compreende um resumo do conteúdo e os principais conceitos do texto;
  • Identifica a página e a pessoa autora para localizar as citações e as referências;
  • Embasa a construção do referencial teórico;
  • Dá um panorama geral sobre o posicionamento e a opinião das pessoas autoras.

Tipos de fichamento

Não existe uma estrutura ideal para fazer suas anotções. Cada um deles tem um objetivo e te servirá de uma forma diferente.

A citação pode ser direta ou indireta. E é importante fichar de diferentes formas para auxiliar na construção de um texto coeso e objetivo.

De todo modo, a organização das referências é um processo bastante pessoal e variável.

Encontre o estilo que é mais simples e fácil para você 🙂

Mas, deixa eu te dizer. Você não precisa escolher apenas um dentre os três tipos possíveis. Se o trabalho for muito relevante e se fizer sentido, nada impede que você misture os tipos de fichamento. Ok?

Vamos aos tipos.

1. Fichamento de citação

Em linhas gerais, é a transcrição de uma ideia no formato de citação direta. Isto é, é a transcrição literal daquela frase.

Nesse tipo, é necessário ter atenção redobrada para anotar a página, o nome do livro e do autor da qual a referência foi extraída.

Além do mais, a citação precisa ser assertiva. Uma citação muito longa pode tirar concentração da ideia central do texto. Se o trecho for muito extenso, você pode utilizar o símbolo “[…]” e utilizar apenas a parte importante.

De fato, essas citações diretas também merecem um carinho e uma atenção especial, porque replicam fielmente a ideia de um autor e devem ser feitos de acordo com as normas da ABNT.

Esse tipo de fichamento é muito útil para quem está produzindo um trabalho acadêmico e precisa voltar nas leituras para localizar o conteúdo.

Tendo esse fichamento em mãos você poderá copiar e colar citações diretas para o seu trabalho. Veja o exemplo:

fichamento de citação


2. Bibliográfico

O fichamento bibliográfico é o o mais simples. É basicamente a descrição das ideias do objeto em tópicos.

Quer dizer, dialoga bastante com a citação indireta, mas de forma um pouco mais específica e objetiva.

De fato, funciona como uma paráfrase de uma parte selecionada da obra. Por isso é importante detalhar página, nome do livro e do autor.

Tendo esse fichamento em mãos você poderá copiar e colar citações indiretas para o seu trabalho. Isso economizará o tempo de desenvolvimento do trabalho.

Veja neste exemplo:

fichamento bibliográfico

3. De resumo ou conteúdo

O fichamento de resumo ou conteúdo é uma síntese das principais ideias contidas na obra.

Ele deve ser elaborado com as suas próprias palavras. Isto é, você deve construir interpretações do conteúdo.

Também conhecido como fichamento de resumo ou textual, as ideias são agrupadas e elencadas de acordo com a ordem em que aparecem no texto original.

É interessante eleger os tópicos mais importes e os tópicos secundários.

É aconselhável utilizar suas próprias palavras sobre o tema, criar seu próprio método de organização, exemplificar e dispor dos seus próprios argumentos.

Tudo isso auxilia bastante na hora da adaptação para o seu trabalho.

Geralmente, se destaca o nome do autor, da obra e uma reflexão pessoal sobre o tema. Veja neste exemplo:

fichamento de conteúdo

Qual é a diferença entre fichamento, resumo e resenha?

Frequentemente confundidos, fichamento, resumo e resenha desempenham papéis distintos na abordagem de um texto. O fichamento concentra-se na catalogação de informações-chave, enquanto o resumo busca condensar o conteúdo de forma objetiva.

Por outro lado, a resenha vai além da síntese, incorporando uma análise crítica e pessoal do texto, oferecendo uma perspectiva mais aprofundada sobre a obra em questão. Cada técnica serve a propósitos específicos na compreensão e comunicação eficaz de informações.

Como fazer um fichamento?

O objeto do fichamento será um livro, um capítulo de um livro ou um artigo. Isso vai depender da sua necessidade e intenção. Por exemplo, uma professora pode solicitar um fichamento de 3 capítulos específicos de um livro.

Esse tipo de trabalho é bastante flexível. Mas, pra começar, você pode começar pelo modelo de fichamento da Mettzer.

  1. Existem diversas técnicas de como fazer um fichamento. Em geral, o primeiro passo é ler o texto pela primeira vez e compreender o assunto geral daquilo. Você também pode fazer a leitura com grifos.

2. Depois disso, você pode escolher qual tipo de fichamento fará. Possivelmente, a estrutura terá a ver com o seu método preferido de estudo.

3. É importante reunir toda a literatura sobre o tema que você escolheu – livros, artigos, textos, blogs e revistas científicas.

4.Tome cuidado com as fontes de conteúdo online. Nada de espalhar fake news ou sites de credibilidade questionável.

Exemplo de fichamento bibliográfico

Aqui está um exemplo de fichamento bibliográfico:

Hooks. Bell. Tudo sobre o amor: novas perspectivas. São Paulo: Editora Elefante, 2021.

O livro da bell hooks trata sobre as perspectivas diferentes que o amor tem. A principal ideia do livro é que o amor é um ato de vontade. É uma ação e uma escolha. Não apenas um sentimento.

Sobre a autora:

bell hooks nasceu em 1952, no sul dos Estados Unidos. Batizada como Gloria Jean Watkins,adotou o nome pelo qual é conhecida em homenagem à bisavó, Bell Blair Hooks. Formou-se em literatura inglesa na Universidade de Stanford, fez mestrado na Universidade de Wisconsin e doutorado na Universidade da Califórnia.

Seus principais estudos estão dirigidos à discussão sobre raça, gênero e classe e às relações sociais opressivas, com ênfase em temas como arte, história, feminismo, educação e mídia de massas. É autora de mais de trinta livros de vários gêneros, como crítica cultural, teoria, memórias, poesia e infantil.

bell hooks foi premiada com um The American Book Award, um dos prêmios literários de maior prestígio dos Estados Unidos. Entre suas maiores influências, além de Martin Luther King, Malcom X e Eric Fromm, estão as teorias de educação defendidas pelo brasileiro Paulo Freire.

  • “Há tanta injustiça nos Estados Unidos e tal conspiração para que não se fale sobre isso: e tanto sofrimento e muita esquiva para que não a notemos. Dizem-nos que esses problemas são secundários ou que seria muito custoso consertá-los – como se o dinheiro fosse o mais importante. A ganância é considerada legítima agora, enquanto o amor fraternal não é” (p. 152).
  • “O amor é o que o amor faz. Amar é um ato da vontade — isto é, tanto uma intenção quanto uma ação. A vontade também implica escolha. Nós não temos que amar. Escolhemos amar” (p. 56).
  • Para amar verdadeiramente, devemos aprender a misturar vários ingredientes — carinho, afeição, reconhecimento, respeito, compromisso e confiança, assim como honestidade e comunicação aberta” (p. 32).
  • Começar por sempre pensar no amor como uma ação, em vez de um sentimento, é uma forma de fazer com que qualquer um que use a palavra dessa maneira automaticamente assuma responsabilidade e comprometimento” (p. 76)

Modelo de Fichamento nas normas da ABNT

Não quer gastar tempo formatando seu fichamento? Conte com um Modelo de fichamento agora mesmo!

De toda forma, é importante que o processo de fichamento esteja de acordo com as normas ABNT, para que não haja retrabalho e/ou para que as suas citações e referências estejam incorretas.

Citações incorretas são erros graves em um TCC e a banca examinadora pode descontar pontos que irão prejudicar sua nota final. Em casos mais graves, os erros podem até caracterizar plágio.

Dúvidas com formatação e regras ABNT em seu trabalho acadêmico? Está sem tempo e precisa daquele help com a formatação?

O Mettzer, um editor de textos especializado, está aqui para te ajudar com apenas alguns cliques! O Mettzer formata todos os trabalhos de forma automática nas normas da ABNT.

Não importa qual é o tipo de trabalho acadêmico, se for nas normas da ABNT, a gente te ajuda.

Você pode experimentar e fazer um teste gratuito de 7 dias.

modelo de fichamento

Perguntas frequentes

Como fazer fichamento de artigo?

Para fazer um fichamento de artigo, leia atentamente o texto, identifique as principais ideias e anote-as de forma resumida em fichas separadas, incluindo citações relevantes para referência futura.

Como fazer fichamento de resumo?

Um fichamento de resumo consiste em resumir as informações essenciais de um texto em poucas linhas, destacando os pontos principais, conceitos-chave e argumentos relevantes. É importante manter a objetividade e clareza, evitando inserir opiniões pessoais no resumo. Organize as informações de forma estruturada, utilizando frases concisas e coerentes.

compartilhe

17 comentários em “Organize o seu conhecimento: aprenda como fazer fichamento de forma fácil e eficiente”

    • Oi, Lorena.

      Não existe limite pré-estabelecido.
      Tente entender com a sua professora qual é o tamanho de fichamento que ela espera.

      Um abraço.

      Responder
  1. Boa noite, desde 7 horas da manha que tento fazer um fichamento de resumo e não sei como começar, me mande um exemplo deste fichamento para o meu e-mail por favor.

    Responder
  2. Boa tarde! Gostaria de receber um modelo é dica de como fazer um fichamento completo, com início , meio é fim. É também gostaria de receber um modelo pronto, completo.

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Teste agora nosso editor que formata trabalhos nas Normas da ABNT e APA

Modelos customizáveis de acordo com sua universidade