A revisão da literatura é uma parte muito importante do TCC, pois é nesta etapa que o aluno deve não apenas reunir boas referências que vão fornecer embasamento teórico para o trabalho, mas também dialogar com essas referências e aplicar seus conceitos no tema da monografia.

Contudo, muitos graduandos não sabem ao certo como elaborar essa parte do seu trabalho acadêmico e acabam fazendo apenas uma colagem de referências e citações, o que agrega muito pouco ao TCC e ainda pode resultar em plágio.

Para evitar que essa situação ocorra com sua monografia, vamos lhe mostrar neste post como fazer uma boa revisão da literatura, desde a seleção de obras que vão fornecer a sustentação teórica para o projeto de pesquisa até a utilização das informações e ideias contidas nestas obras em seu próprio trabalho. Continue acompanhando os próximos parágrafos e veja como aproveitar ao máximo a revisão da literatura!

Procure por referências sobre o tema do seu TCC

O primeiro passo para se fazer a revisão da literatura é encontrar os autores e obras especializados na área do tema da sua monografia. Essa parte do trabalho consiste basicamente em pesquisar por referências que você possa utilizar para extrair dados, informações, ideias ou conceitos que serão importantes para seu TCC.

Para isso, é fundamental ter um recorte teórico bem definido, isto é, saber como você vai abordar o tema e a problematização do seu trabalho. Essa etapa é importante, pois um tema pode ser abordado sob diversos ângulos e aqui você deve definir qual será o foco que você vai dar para a condução da sua pesquisa.

Para tornar o recorte teórico mais claro, vamos supor que temos um TCC com o tema “reflexos da crise econômica na classe média”. Neste caso, poderíamos realizar uma análise tanto sob um viés econômico, explorando itens como a diminuição do poder de compra dessa população, quanto sob um viés sociológico, abordando a queda da qualidade de vida desse grupo, por exemplo. Essa definição de qual caminho será seguido pela pesquisa é o recorte teórico.

Depois de concluir essa etapa, você deve elencar palavras-chave, ou descritores, que vão lhe permitir encontrar obras de referência dentro do recorte teórico definido por você. Dessa forma, você poderá encontrar materiais que realmente estejam relacionados com o tema e o problema que serão abordados em seu texto, devendo então reunir essas referências para leitura e análise.

Crie uma estrutura de pesquisa

Agora que você já encontrou e reuniu obras e autores que poderá usar como referência para seu TCC, é preciso começar a analisar esses materiais. Para tornar essa tarefa mais simples, você pode definir uma estrutura de pesquisa que vai permitir que você organize seus referenciais teóricos e consiga coordená-los dentro do seu recorte teórico.

Essa estrutura pode utilizar o critério que você considerar mais pertinente à sua monografia, como ordenar suas referências por ordem cronológica de publicação, mostrando o incremento conceitual da área do conhecimento ao qual seu trabalho está ligado ao longo do tempo até chegar ao seu projeto, ou apresentá-las de acordo com o nível de especialização, isto é, partindo de obras que tratam do tema do seu TCC de forma mais abrangente até aquelas que tratam especificamente de sua temática, por exemplo.

Independentemente de qual seja o critério utilizado, é importante definir e seguir uma estrutura de pesquisa, pois ela irá facilitar a tarefa de extrair conceitos importantes de suas referências e aplicá-las num contexto coeso. Em outras palavras, estruturar sua pesquisa irá te permitir conectar os referenciais teóricos utilizados de maneira mais objetiva e assim tornar seu texto mais claro e coerente, simplificando o entendimento de como você chegou à construção do tema e problematização do seu trabalho acadêmico.

Faça uma análise crítica de suas referências

Para fazer um bom uso dos materiais que você selecionou como referências para sua monografia, você deve ler atentamente todas as obras escolhidas e analisá-las criticamente, buscando compreender a fundo as teorias e conceitos tratados por elas.

Para isso, uma boa dica é fazer anotações sobre cada obra analisada, onde você deve procurar sintetizar seu conteúdo ao mesmo tempo em que faz uma reflexão sobre as teorias apresentadas e busca aplicá-las no contexto do seu trabalho. Ao adotar essa metodologia, você não estará apenas inserindo excertos de outras obras em seu trabalho, mas realmente criando um diálogo entre seus referenciais e seu TCC, o que tornará sua monografia mais coerente e conceitualmente sólida.

E sempre lembre-se que, ao longo de toda essa jornada do TCC, você pode contar com o auxílio do Mettzer. Com ele, você terá um editor de texto adaptado à redação de trabalhos acadêmicos que vai facilitar sua vida com relação à utilização de referências, uma vez que ele as organiza e formata seu TCC de acordo com as normas ABNT. Cadastre-se abaixo e faça um teste gratuito!