Projeto de Pesquisa: o que é, como fazer, metodologia e formatação

|
Compartilhe esse post:
Tempo médio de leitura: 7 minutos

O projeto de pesquisa é um formato de trabalho intermediário que antecede a pesquisa, em cujo desenvolvimento deve estar claro como e o que a pesquisa futura deverá tratar.


1. O que é projeto de pesquisa?

Se você já teve algum contato com a pesquisa acadêmica deve ter ouvido falar algo sobre o projeto de pesquisa.

E caso você esteja iniciando esse contato agora, ou começando a pensar no TCC ou monografia, prepare-se, porque logo logo ele vai chegar pra você também!

Isto porque não tem como pensar em pesquisa sem passar pelo projeto.

Conforme o esperado, os projetos de pesquisa devem seguir uma série de  normas da ABNT, então é importante saber cada detalhe.

Então, vamos iniciar tentando entender o que é um projeto de pesquisa.

Objetivamente, é um formato de trabalho intermediário que antecede a pesquisa.

Deste modo, no seu desenvolvimento você vai conseguir clarificar o seu tema.

Além de se organizar sobre o recorte da pesquisa, os objetivos que você pretende e a metodologia necessária.

Ou seja, é um esboço qualificado da pesquisa.

2. Como elaborar a estrutura do projeto de pesquisa?

Igualmente, o projeto de pesquisa acadêmica tem alguns itens recomendados, por exemplo:

Por ser um documento de valor acadêmico, precisa passar as informações da forma mais clara e honesta possível. 

O que acontece normalmente através de um uso de normas que possam ajudar as informações a serem entendidas com mais facilidade e processar as questões relacionadas ao uso do tempo dos envolvidos.

No caso de uma pós-graduação, este projeto deverá ser defendido antes do início da pesquisa.

3. Como fazer projeto de pesquisa na ABNT

Para começar a entender como fazer o projeto de pesquisa, é preciso entender quais informações ele precisa explicar.

Essas informações podem ser reunidas antes de escrever o documento para facilitar o processo, mas nada impede que o autor procure decidir conforme avança no projeto.

Ademais, as informações trazidas aqui não são obrigatórias porque cada instituição de ensino ou orientador pode solicitar um formato de projeto de pesquisa de acordo com  seus interesses e necessidades.

Mas, ter uma ideia inicial pode te ajudar muito, especialmente se a sua instituição não tem padrão obrigatório.

a) Tema para projeto de pesquisa

Em primeiro lugar, é preciso definir um tema que servirá de guia para o trabalho.

Em geral, esse é o assunto da sua pesquisa, que possivelmente estará relacionado a um grupo de pesquisa do qual você faz parte, ou aos interesses da sua orientação.

Definir o tema é a parte mais importante, e estará na capa do seu projeto, guiando todo o desenvolvimento.

b) Introdução

Inicie dizendo qual é o seu objeto de estudo, o seu tema (definido anteriormente).

O tema já deve trazer, em sua descrição, o problema.

Então, apresente genericamente a gênese do problema, o contexto do problema, sob o ponto de vista sócio-cultural, da história, do Direito, ou de outro aspecto que permita situar o problema que pretende investigar em sua inter-relação com a sociedade.

Nesta etapa não se deve tomar posições sobre o tema, apenas reproduzir a realidade.

c) Justificativa do projeto de pesquisa

Depois, é preciso se debruçar sobre a justificativa.

Quando for fazer seu projeto de pesquisa, pense nesse aspecto como a parte em que você explica para um investidor porque é um bom negócio investir na sua ideia.

Podem estar envolvidos na Justificativa as possibilidades que o projeto tem para ser desenvolvido levando-se em consideração a sua própria carga de experiências e níveis formativos, que auxiliem demonstrar que você é o pesquisador ideal para desenvolvê-la.

Como a Justificativa nada mais é que “convencer o outro”, é importante o pesquisador colocar-se na posição de alguém alheio à pesquisa para analisar os motivos pelos quais seria levado a ler tal estudo.

Assim, é importante realizar também conexões do seu tema a outras pesquisas, bibliografias, descobertas recentes, em função de que a importância do tema a ser trabalho, cresce á medida que consigamos ligá-lo ao mundo externo.

Seja sucinto: fale apenas o que realmente vai chamar a atenção para seu projeto.

Para complementar a importância, destaque a pergunta a ser respondida pela pesquisa.

d) Problema de pesquisa

O problema de pesquisa terá formato de uma pergunta que deverá ser respondida no decorrer da pesquisa. Em geral, essa pergunta pode ser algo como “qual parcela da população mora com os pais?”.

Ou, “qual o processo mais viável economicamente para fazer um determinado produto?”.

Então, formule também uma hipótese de encontro ao problema de pesquisa: ela é a explicação de onde você acredita que a resposta para sua pergunta pode estar e onde você pretende dedicar seu tempo procurando.

Isso ajuda a definir o cronograma que será apresentado e ajuda a definir a importância do projeto de pesquisa.

Com a questão a ser respondida e a forma de encontrar a resposta definidos, o próximo passo é definir os objetivos do seu trabalho.

e) Objetivos

Esta etapa deverá estar subdividido em duas partes.

A primeira, chamada objetivo geral, é a definição do que será feito: explicar, entender, analisar, realizar uma coleta de dados, interpretar informações.

Já, na segunda, os objetivos específicos, estão diretamente relacionados com a justificativa, são aqueles que buscam demonstrar exatamente o que se pretende com o assunto.

Assim, deve-se sempre utilizar verbos no infinitivo para iniciar os objetivos:

Este é o único capítulo de todo o Projeto que deve aparecer na forma de tópicos, já que os demais estarão em texto cursivo e problematizado.

Por isso ele é geralmente curto porque pode desvirtuar a pesquisa para sem que alcance os objetivos propostos.

Defina por exemplo se pretende dar uma solução definitiva ou se deseja apenas esclarecer melhor a questão por trás do que está pesquisando.

f) Embasamento ou fundamentação teórica

Consiste em apresentar um resumo do que já foi escrito sobre o tema no modelo de referencial teórico.

Pode-se dizer que a fundamentação teórica é uma pesquisa prévia sobre o que já foi escrito sobre o tema sobre o qual pretende estudar.

Mesmo que seja uma pesquisa inédita como em uma tese, por exemplo, a procura destas fontes, documentais ou bibliográficas, é fundamental para que você não proponha uma pesquisa que já está feita.

A citação das principais conclusões a que outros autores chegaram permite destacar a contribuição da pesquisa realizada, além das contradições ou reafirmar comportamentos e atitudes.

As normas da ABNT para a formatação seguem o padrão básico:

g) Metodologia

A metodologia diz respeito às técnicas de obtenção de informações que serão utilizadas levando em consideração os tipos de pesquisa.

É aqui que se deve falar de entrevistas, uso de ferramentas de laboratório, se as informações serão retiradas de livros, quais serão os gastos gerais, entre outras opções.

h) Cronograma

O cronograma é uma forma de explicar em qual data se espera começar e terminar o estudo.

É impossível determinar a importância do projeto de pesquisa sem que ele tenha sido devidamente encerrado, então é preciso acabar, eventualmente.

i) Resultados

O item dos resultados esperados é um espaço específico para que você possa explicitar de forma concreta o que espera alcançar com os objetivos específicos.

Deste modo, os objetivos específicos e os resultados devem apresentar uma correlação estreita.

j) Referências bibliográficas

Tendo em vista que a maioria dos trabalhos acadêmicos dependerão de citações para a sua fundamentação, as referências bibliográficas são feitas como nos demais trabalhos acadêmicos, sempre respeitando as regras de catalogação bibliotecária.

As referências seguem uma ordem lógica, de acordo com as regras e normas da ABNT:

Ordem alfabética única

Em primeiro lugar, observe a ordem alfabética. Inicie pelo sobrenome do autor. Em caso de entidades autoras, a regra é seguir pelo título da entidade.

Espaçamento simples

Também não se esqueça de alinhar todas as referências à margem esquerda.

Título em destaque

O destaque pode ser feito em itálico, sublinhado ou negrito. Subtítulos não recebem destaque.

Sobrenomes em caixa alta

Os nomes apenas com letra maiúscula.

Exemplos de referências na ABNT

k) Apêndices e anexos

Apêndices são elementos pós-textuais, que complementam o projeto, elaborados pelo próprio pesquisador. Podemos trazer como exemplos os questionários, formulários da pesquisa ou fotografias.

Os anexos são textos elaborados por outras pessoas e não pelo pesquisador. Como exemplo temos: mapas, plantas documentos originais e fotografias tiradas por outros.

Só devem aparecer nos projetos de pesquisa anexos extremamente importantes:

Os apêndices localizam-se após as referências e os anexos, após os apêndices, se houver.

Seus critérios de apresentação são:

  • devem ser enumerados individualmente com algarismos arábicos, caso haja apenas um apêndice e/ou anexo, estes não deverá ser numerados;
  • cada apêndice ou anexo pode ser antecedido por uma página de rosto, devendo constar, escritos em letras maiúsculas estilo normal e centralizados na 13ª linha do texto, a palavra APÊNDICE e/ou ANEXO;
  • cada anexo ou apêndice deve iniciar em página distinta;
  • na página de rosto do anexo pode-se incluir elementos que identifiquem a fonte da qual foi extraído o conteúdo do anexo.

4. Formatação de trabalhos acadêmicos de forma automática

Para facilitar a aplicação desse modelo, você pode fazer uso do Mettzer.

Ele é um editor de texto especializado em textos acadêmicos e cheio de ferramentas para facilitar seu trabalho universitário e até mesmo seu TCC.

Se interessou? Então não perca tempo e clique abaixo para testar grátis.

Modelo de projeto de pesquisa pronto

Modelo-Projeto-Pesquisa

Resumo
Artigo
Projeto de Pesquisa: o que é, como fazer, metodologia e formatação
Descrição
Nesse artigo, ajudamos a entender o projeto de pesquisa e a realizá-lo da forma correta, para poder utilizá-lo em sua carreira dentro da universidade.
Autor
Publicador
Mettzer

1 comentário em “Projeto de Pesquisa: o que é, como fazer, metodologia e formatação”

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.