Dicas para deixar o seu portfólio pronto em 8 passos

compartilhe

Deixar seu portfólio pronto não é um bicho de sete cabeças. Conte com nossas dicas para te ajudar nesse percurso.


Sumário

  1. O que é portfólio?
  2. Diferença entre portfólio e currículo
  3. Tipos de portfólio
  4. O que é um portfólio acadêmico?
  5. Qual é a estrutura de um portfólio pronto?
  6. Dicas de como deixar seu portfólio pronto

É provável que você saiba que um bom portfólio pode te ajudar a conquistar ótimos empregos. Já que os portfólios, sobretudo os acadêmicos. são bastante eficientes para apresentar a pessoa e demonstrar a sua experiência.

A sua dúvida é, na verdade, como fazer um bom portfólio de forma simples e rápida. Acertei?

Esse artigo vai te ajudar (e muito!). Esse é um guia completo para te explicar como deixar o seu portfólio pronto em 8 passos. Vamos lá 🙂

O que é portfólio?

Portfólio é um conjunto de trabalhos e de experiências de pessoas profissionais e estudantes nas mais diversas áreas.

Então, serve como uma amostra dos melhores trabalhos desenvolvidos durante a vida profissional e acadêmica.

Diferença entre portfólio e currículo

O primeiro passo é não confundir um portfólio com um currículo. O currículo é uma apresentação do profissional e de suas experiências.

O portfólio, por outro lado, é uma coleção de amostras de trabalhos prontos. Quer dizer, o portfólio traz exemplos práticos dos trabalhos, não apenas menciona a experiência.

No caso de um fotógrafo, por exemplo, o portfólio compreende fotografias de outros trabalhos. Enquanto que no portfólio de um redator terá alguns exemplos de textos já escritos.  

Tipos de portfólio

Existem diferentes tipos de portfólio, que variam conforme o seu formato ou a natureza do trabalho.

Em relação ao formato

Em relação ao formato, os portfólios podem ser físicos ou digitais.

A escolha pelo formato deve obedecer a necessidade do trabalho. No caso de um artista plástico ou de um arquiteto, o portfólio impresso pode ser mais interessante e trazer mais impacto para os clientes. P

Por outro lado, designers e redatores, que têm um trabalho exclusivamente digital, precisam ter um portfólio online também.

Em relação à natureza do trabalho

Em relação à natureza do trabalho, os portfólios podem variam conforme o seu objetivo e a área. Podem ser, por exemplo, de fotografia, de artes, de design ou acadêmico. Depende da área e da função do portfólio. 

O que é um portfólio acadêmico?

O portfólio acadêmico é a coleção de todas as produções acadêmicas de uma pessoa universitária. Sendo assim, compreende os cursos que concluiu e os trabalhos, textos, exercícios, apostilas e artigos que fez.

Ou seja, é um material que abrange e representa a história acadêmica de uma pessoa.

Por esse motivo, o portfólio acadêmico também pode servir como um instrumento de avaliação. Quer dizer, o portfólio permite que os estudantes participem da formulação dos objetivos de sua aprendizagem e avaliem seu progresso. É o que se denomina de participação ativa na avaliação.

Mais tarde, o estudante pode incluir os títulos acadêmicos e a trajetória profissional. Nesse caso, também é importante manter o Currículo Lattes atualizado.

Em especial, se o estudante quiser ingressar em um mestrado, doutorado ou em uma pós-graduação Lato Sensu.

Para que serve um portfólio acadêmico?

Imagine como pode ser interessante ter um acervo com as apresentações de trabalhos e as produções de textos – e as suas respectivas notas -, os artigos publicados, as palestras e as participações em eventos acadêmicos, os cursos extracurriculares, participação em projetos de extensão e de iniciação científica e outras atividades importantes desenvolvidas durante a graduação.

Essa é a principal função do portfólio acadêmico: fornecer um acesso rápido e prático da história do estudante, a partir das principais experiências acadêmicas. 

Assim, é possível ter uma visão ampla sobre as habilidades, as qualificações e as experiências do estudante.

Mais que isso, o portfólio acadêmico também pode auxiliar no desenvolvimento da habilidade de avaliar o próprio trabalho e o próprio desempenho acadêmico. 

Por isso, o portfólio acadêmico pode ser considerado uma estratégia de aprendizagem, para estabelecer reflexões e críticas sobre o processo acadêmico, em busca de melhorias das competências e dos conhecimentos.

Qual é a importância de fazer um portfólio pronto?

Daí a importância de ter um portfólio pronto: tanto é possível fazer uma avaliação do desenvolvimento e do progresso do estudante, quanto pode auxiliá-lo na hora de procurar oportunidades para começar a atuar no mercado de trabalho.

Isso significa que o portfólio acadêmico é um instrumento importante para o início da carreira profissional dos estudantes.

Inclusive, para seguir a carreira acadêmica como pesquisadora. Visto que reúne, em um único arquivo, as melhores experiências e os melhores trabalhos do estudante.

Nesse último caso, o portfólio assume a função de um portfólio profissional. Afinal, serve para apresentar os pontos altos da vida acadêmica e comprovar sua capacidade e experiências para assumir a função e o emprego.

Quando começar a fazer um portfólio?

Durante a faculdade, todos os estudantes vivenciam experiências acadêmicas bastante valiosas. Então, pode-se começar a fazer o portfólio acadêmico desde o meio da graduação até a conclusão do TCC.

Assim, você demonstra, desde cedo, que tem organização e ciência de seu potencial.

Se você acha que tem poucas informações para incluir no seu portfólio, não se preocupe. Afinal, precisamos sempre dar o primeiro passo e você pode começar com os trabalhos da faculdade e com os projetos pessoais.

O portfólio acadêmico serve também para isso: organizar as suas informações para verificar em qual lugar você deve investir seu tempo para incrementá-lo.

Qual é a estrutura de um portfólio pronto?

O conceito de portfólio acadêmico parece bastante amplo. Mas, pense em uma pasta, física ou virtual, na qual você insere todos os trabalhos e todas as atividades mais relevantes que fez durante a faculdade.

É assim que o portfólio acadêmico deve ser feito.

A estrutura básica de um portfólio acadêmico, de forma geral, segue o padrão de um trabalho acadêmico. Normalmente esse tipo de portfólio possui uma estrutura que compreende:

A capa e a folha de rosto devem conter o nome do estudante, o curso da graduação, o módulo, a instituição de ensino e a data da atualização do portfólio.

No conteúdo propriamente dito devem ser incluídos:

O desenvolvimento pessoal e social

Neste tópico, o estudante deve descrever e demonstrar suas experiências pessoais e sociais relevantes ao objetivo do portfólio.

O desenvolvimento acadêmico

Que se refere ao percurso acadêmico em si, em relação aos trabalhos, artigos, eventos, publicações do estudante.

É interessante incluir um índice remissivo de assuntos dos materiais (artigos, trabalhos, resumos, atividades) anexados, para auxiliar na organização.

Além disso, você também pode adicionar dedicatórias e agradecimentos.

Dicas de como deixar seu portfólio pronto

Sem dúvida, a qualidade das experiências e dos materiais que você apresenta no portfólio acadêmico são importantes. Mas, apenas mostrar seu trabalho não é o suficiente.

O ponto principal é pensar e planejar a forma como vai apresentar essas ideias. Por isso, separamos algumas dicas para deixar seu portfólio pronto:

1. Defina o objetivo do portfólio

O primeiro passo é definir qual é o objetivo da construção de seu portfólio acadêmico. Todo texto é escrito para alguém. O portfólio sempre vai ser escrito para alguém específico ler. Você deve levar isso em consideração. V

Por isso, veja o que é relevante e útil para o seu público-alvo.

Você vai perceber que esse objetivo vai guiar os demais elementos, como o layout, o tipo, as informações e as imagens.

A sua habilidade para alcançar o objetivo específico deve estar em evidência no portfólio. 

2. Considere as especificidades de sua área

Analise quais os critérios você deve preencher para se alinhar às necessidades de sua área do conhecimento.

Por exemplo, a área do Direito requer certo grau de formalidade. A área artística, como design, por sua vez, requer que você demonstre sua criatividade.

3. Foque nos principais trabalhos

Seja uma pessoa seletiva. Cuidado para não cometer o erro de exagerar no número de trabalhos. Foque nos trabalhos dos quais você mais se orgulha de ter feito e que se alinham ao objetivo específico do portfólio. 

Vamos dar um exemplo. Se você quer conquistar uma vaga em um grupo de pesquisa na área da pedagogia, é interessante focar nos trabalhos de pesquisa que você já realizou nessa área.

Não que as pesquisas referentes às outras áreas não sejam relevantes. Mas, se tiver que escolher entre as duas, não se esqueça do seu objetivo principal. 

Lembre-se que o portfólio deve ser objetivo e mostrar o seu potencial.

4. Crie uma ordem de organização

Organize seus trabalhos a partir de algum critério. Seja por ordem cronológica ou por ordem de importância.

 5. Preocupe-se com a qualidade estética

Em primeiro lugar, na questão estética, a melhor decisão é investir em simplicidade. Contudo, se preocupe com a qualidade das fotos e com a combinação das cores dos elementos.

6. Facilite a leitura

Escreva um texto claro e assertivo. Além disso, escolha uma fonte sóbria, em cor e tamanho bastante legíveis. Crie categorias e índices de organização para que a pessoa leitora não tenha dificuldade de encontrar o que procura.

7. Lembre-se que o portfólio não é apenas sobre seu trabalho

Além dos trabalhos, você também deve apresentar a pessoa que está atrás dos projetos e dos trabalhos.

Para isso, crie uma seção do portfólio acadêmico sobre você: conte um pouco sobre sua vida, sua trajetória e principalmente dê informações para contato.

 8. Mantenha-o sempre atualizado

As atualizações regulares do portfólio são indispensáveis para manter seu trabalho relevante. Deixem que saibam o que você está fazendo e no que está trabalhando nas últimas semanas.

Por fim, pense seu portfólio acadêmico como um processo em movimento, que está em constante evolução com sua carreira.

Verifique se todas as imagens, links e endereço de site e e-mail estão funcionando.

Portfólio acadêmico

Como formatar artigos e trabalhos acadêmicos de forma automática

Por fim, a sensação de publicar um artigo científico e incluir no seu portfólio acadêmico é indescritível, não é mesmo?

Se você precisar de ajuda no percurso, pode contar com o Mettzer, o melhor editor do mercado que formata automaticamente qualquer trabalho de acordo com as normas da ABNT. 

Assim, você pode focar apenas no conteúdo e não se preocupar com a formatação.

Faça um teste gratuito agora mesmo!

editor de texto da Mettzer
compartilhe

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Teste agora nosso editor que formata trabalhos nas Normas da ABNT e APA

Modelos customizáveis de acordo com sua universidade