Como ter artigo científico pronto usando o Mettzer?

5
(1)

Descubra como o editor da Mettzer pode te ajudar a ter o seu artigo pronto.


Talvez você já saiba que os artigos científicos são bastante comuns nas universidades, inclusive como uma forma de avaliação.

O que você não sabe ainda é que existe uma nova forma de ter seu artigo pronto. Muuuuuito mais fácil.

Esse post compreende:

  1. Uma explicação sobre os principais pontos de um artigo pronto
  2. Uma dica para fazê-lo de forma muito mais simples

Não importa em qual parte do trabalho você está, você definitivamente não pode ficar por fora disso. Vamos lá? 🙂

O que é artigo científico?

De forma geral, um artigo é uma apresentação sintética de resultados de uma pesquisa sobre um problema específico.

Não são todos os textos que podem ser considerados artigos científicos. A ABNT definiu artigo científico como “uma publicação com autoria declarada, que apresenta e discute ideias, métodos, técnicas, processos e resultados nas diversas áreas do conhecimento“.

Em linhas gerais, o artigo científico é uma publicação que apresenta os resultados de uma pesquisa. Os temas dos artigos podem ser diversos, desde relatos de experiências até construções completamente teóricas.

Deste modo, o objetivo central de um artigo é contribuir, divulgar e publicizar os resultados de uma pesquisa.

De forma geral, são publicado em anais de eventos e em revistas científicas ou periódicos, como o Periódico Capes, o Scielo e o Google Acadêmico.

Não há necessidade de ser um universitário para publicar um artigo. Os artigos podem ser publicados por qualquer pessoa, pesquisadores, profissionais, professores, enfim, desde que se observe às regras do local de publicação e sejam aceitos para publicação.

Os critérios de avaliação de eventos científicos e de revistas e periódicos são:

Relevância

A relevância é a adequação do artigo. É importante verificar se o tema de estudo do artigo é adequado ao evento ou ao periódico.

Originalidade

Os avaliadores são profissionais experientes que poderão certificar se o tema do artigo é original ou uma cópia de outros artigos.

Mérito técnico-científico

A observância à metodologia garante a cientificidade da pesquisa. Isto é, garante que os resultados da pesquisa sejam relevantes para a área de pesquisa.

Apresentação

É o requisito sobre a observância às normas e aos modelos estabelecidos pelo evento ou revista. A não observância dos critérios pode levar à reprovação do artigo.

Organização e legibilidade

Esse tópico compreende a boa escrita, comunicação bem feita, boas práticas e a observância às normas da área de pesquisa.

Referências

As referências servem para comparar e direcionar o olhar da pesquisa. Além de, claro, garantir que os créditos autorais sejam devidamente distribuídos.

Para que serve um artigo científico?

Ainda que tenhamos a tendência de entender que os livros são fontes de pesquisa mais confiáveis, os artigos científicos têm um papel fundamental na difusão da ciência.

Em primeiro lugar, porque o artigo científico é um tipo de trabalho muito importante em termos de conhecimento, já que aglutina muitas informações e ideias novas, de uma forma mais dinâmica e objetiva.

Basta pensar que em um livro você vai encontrar a ideia de poucos autores, enquanto um artigo traz uma construção com variadas fontes.

Além do mais, os artigos científicos são utilizados na graduação e na pós-graduação como forma de avaliar estudantes e de medir a produtividade de bolsistas e dos próprios cursos.

Deste modo, aprender a escrever artigos científicos ainda na faculdade pode te ajudar a alcançar boas notas nas disciplinas, entender melhor determinado assunto e, posteriormente, em processos seletivos em mestrado e doutorado ou de bolsas de estudo, por exemplo.

Também é um bom caminho para começar na iniciação científica.

Entretanto, não há apenas um modelo de artigo. De maneira geral, exige-se que cumpram as regras da ABNT. Mas essa não é uma regra sem exceções.

Além do mais, nem mesmo a ABNT estabelece uma estrutura obrigatória para o artigo científico. Então, é oficial: cada formato de artigo atende aos objetivos e às metodologias específicas da instituição de ensino.

Então, as regras para artigos científicos não vêm necessariamente da ABNT. Assim, é importante que os editais de revistas ou congressos especifiquem quais são as normas para seguir.

Elementos de um artigo pronto

Ou seja, a estrutura depende muito de qual será a destinação do artigo.

Por exemplo, caso você queira publicar em periódicos como o Scielo, deverá observar as orientações e regras do edital do periódico. Caso queira publicar em anais de evento específico, deve consultar as normas específicas do evento.

Ainda assim, caso esteja em dúvida de qual estrutura utilizar, preparamos uma lista que pode te ajudar. Veja se os itens fazem sentido para você e para sua pesquisa.

As estruturas são importantes porque te lembram de tópicos importantes e indispensáveis no artigo científico. Sem engessar completamente o formato. Então, vamos fazer as pazes com as estruturas? <3

Lembrando que, de acordo com as normas da ABNT, não existe uma estrutura obrigatória para artigos.

Estrutura do artigo científico

Aqui vai nossa sugestão de estrutura de artigo pronto:

1. Título

De início, um bom título deve informar de forma clara qual é o tema e o objetivo do artigo.

Assim, deve compreender conceitos-chave do tema.

Em nota de rodapé, é possível escrever a finalidade do artigo.

Por exemplo: “artigo científico apresentado para a matéria X ou para evento Y”.

2. Nome dos autores

Em seguida, deve constar o nome do autor ou dos autores do artigo.

O autor do artigo deve ter seu nome acompanhado de uma nota de rodapé com breve currículo e endereço de e-mail.

3. Epígrafe (facultativa)

epígrafe é uma frase de uma música ou de um livro, que serve para apresentar o tema ou para situar o contexto e a motivação.

4. Resumo e Abstract

Embora o resumo seja um texto curto, ele tem alguns detalhes em sua construção.

Isto porque, quanto menor o texto, mais difícil é para aglutinar todas as informações necessárias.

Em linhas gerais, você deve expor o tema, o problema de pesquisa, os objetivos. a metodologia e os resultados alcançados.

O ideal é que, com a simples leitura do resumo, seja possível identificar os pontos centrais da sua pesquisa.

O abstract é a versão em inglês do resumo. Alguns periódicos e instituições de ensino aceitam também em outros idiomas, como o espanhol e o francês.

5. Palavras-chave e Keyword

As palavras devem ser antecedidas da expressão “Palavras-chave:” e separadas entre si por ponto e vírgula (;).

As keywords serão as mesmas palavras-chave, mas em inglês, ou na mesma língua que você tenha optado por escrever o resumo.

As palavras-chave servem para indexar o artigo. Isto é, servem como mecanismo de busca por temas científicos.

6. Conteúdo do artigo científico

Introdução

introdução tem o objetivo de situar o leitor no contexto do tema, oferecendo uma visão global da pesquisa.

Além de esclarecer as delimitações e a abordagem do artigo, a introdução também compreende os objetivos e as justificativas do artigo.

Também é importante destacar, ainda que de maneira breve, a metodologia do trabalho.

A intenção é que a pessoa que está lendo consiga identificar o que você trabalhou, porque e como.

Desenvolvimento textual e apresentação de resultados

O desenvolvimento do artigo é toda a parte teórica, que apresenta o referencial teórico sobre o tema e as discussões e construções de ideias.

O desenvolvimento costuma ser subdivido em seções, a depender da necessidade (1., 2., 3).

Aqui, deve-se fazer uma exposição sobre as teorias necessárias para entender e esclarecer o problema.

Neste aspecto, a revisão de literatura visa desenvolver as contribuições teóricas a respeito do tema.

Então, é importante expor os argumentos de forma explicativa ou didática, construindo uma conversa entre as ideias dos autores das fontes de pesquisa.

Você deve demonstrar conhecimento da literatura básica e do assunto central.

No caso de pesquisa descritiva, devem-se apresentar os resultados encontrados na coleta dos dados através das entrevistas, observações, questionários, entre outras técnicas.

Conclusão do artigo científico

Ao final, deve-se apresentar as conclusões e as descobertas da pesquisa, de forma clara e objetiva.

Você também pode retomar algum resultado ou alguma discussão.

Assim, deve-se relacionar diversas ideias e argumentos os principais resultados em forma de síntese, com comentários adicionais e as contribuições da pesquisa.

Tenha em mente que a conclusão é um fechamento. Então, não se deve inserir novos dados e informações que já não tenham sido apresentados anteriormente.

7. Referências bibliográficas do artigo científico

Ao final, não se pode esquecer a lista de referências bibliográficas.

As referências servem para identificar as fontes de pesquisa – livros, textos, artigos – que foram utilizados no trabalho, a partir das citações.

As citações garante a cientificidade e a qualidade técnica da pesquisa.

Mas, cuidado, se as citações e as referências não forem feitas de forma correta, pode caracterizar plágio.

Veja alguns exemplos:

referências-bibliográficas

Normas da ABNT para artigo científico

As normas da ABNT para artigos científicos estabelecem o padrão básico de margem, espaçamento, parágrafo e tamanho da fonte, conforme a imagem abaixo:

PRINCIPAIS-FORMATACOES

Como o Mettzer pode te ajudar a ter o seu artigo pronto?

Você já sabe que não tem jeito: todos os trabalhos devem obedecer às normas da ABNT ou às normas APA.

É por isso que nós temos uma forma muito mais fácil de fazer artigos científicos. Afinal de contas, todos esses detalhes já estão prontos no editor de texto da Mettzer.

Isso garante uma economia de 40% no tempo de desenvolvimento de um trabalho acadêmico. E pasme: uma economia de 80% no tempo de formatação de um trabalho acadêmico. Incrível né?

Então, me conta: quer conhecer as funcionalidades do editor da Mettzer que podem te ajudar a ter seu artigo pronto? Vamos lá 🙂

Estrutura do trabalho a partir do modelo

Bom, o editor da Mettzer te faz começar o trabalho a partir de um modelo.

O modelo de artigo vai te ajudar a dar um pontapé inicial no seu trabalho. E vai evitar aquela sensação de “por onde eu devo começar?“, sabe?

Por isso, os modelos são tão importantes. Afinal de contas, você já começa a partir de uma estrutura pré-definida. Não tem como se perder. Basta seguir as orientações do modelo.

Citações e referências automáticas

No editor da Mettzer todas as citações e as referências são adicionadas de forma automática.

Basta clicar em “inserir citação (referências)” na barra de ferramentas. Você pode optar por pesquisar uma referência. Nesse caso, você deve buscar pelo nome do autor ou título da obra.

Ou então, você pode inserir a sua própria referência. Basta incluir as informações da fonte de pesquisa, que o editor já formata a referência de forma automática.

Ao final, todas as fontes de pesquisa usadas no trabalho aparecem formatadas no texto e também na lista de referências bibliográficas já em ordem alfabética.

Biblioteca de referências

Além do mais, você pode criar a sua própria biblioteca de referências com todas as referências que você criar.

Isso significa que você pode buscar referências na sua biblioteca em todos os trabalhos que você fizer – no que você está desenvolvendo e em todos os próximos.

Planejamento e cronograma do trabalho

O editor da Mettzer também permite que você faça o planejamento e o cronograma do seu trabalho.

É muito simples fazer isso dentro do editor. Basta clicar em “cronograma”. Em seguida, você pode incluir todas as etapas do seu trabalho e a data de início e de conclusão de cada tarefa.

Então, por exemplo. você pode espeficar um prazo para escolher o tema, definir o problema de pesquisa, fazer as leituras sobre o tema X ou Y, para fazer os fichamentos…enfim, todas as tarefas que são necessárias para concluir o trabalho.

NBRs da ABNT sempre atualizadas

Você realmente não precisa se preocupar com nenhuma norma de formatação de trabalhos.

Nós contamos com uma equipe especializada em NBRs, que garante que todas as normas estejam sempre atualizadas no editor de texto.

Acesso simultâneo

E se você pudesse chamar alguém para te ajudar em seu artigo, quem seria?

Com a funcionalidade da Mettzer de edição colaborativa você já pode fazer isso.

Planejamos e desenvolvemos uma função do editor de texto especialmente pra quem precisa fazer os trabalhos em dupla ou em grupos.

E a edição colaborativa funciona de forma muito simples. Todas as pessoas – com quem o trabalho foi compartilhado – têm acesso simultâneo ao trabalho.

Isso significa que você pode assistir em tempo real as edições que seu colega fizer.

Se você quiser escrever no trabalho, basta solicitar a edição. Seu colega vai receber a notificação de que você solicitou a edição do trabalho. Quando ele aceitar, você já poderá escrever no trabalho.

Viu como é fácil?

Controle de versões do trabalho de forma automática

Como se não bastasse, o editor da Mettzer ainda garante muita segurança ao seu trabalho.

Já que faz salvamento automático a cada alteração no trabalho e backup em toda base de dados a cada 10 minutos.

Além do mais, você tem acesso a um controle automático, seguro e centralizado de todas as versões do trabalho.

Não tem a menor chance de perder qualquer parte do trabalho que você já fez 🙂

Exportação do trabalho em Word e PDF

Ao final do trabalho, você pode escolher em exportar o trabalho em Word ou em PDF quantas vezes quiser.

Nesse vídeo você pode entender melhor como funciona o editor da Mettzer:

E ai, que tal experimentar as funcionalidades do editor de texto da Mettzer?

Você pode fazer o teste gratuito por 7 dias!

O que você achou disso?

Mande corações

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Junte-se aos mais de 750 mil estudantes que usam o Mettzer todos os dias

Das anotações de aulas até a tese de doutorado

Você nem precisa cadastrar o cartão para testar!


Formas de pagamento

Garantia de 7 dias ou seu dinheiro de volta


Mettzer Sistemas LTDA - 20.874.116/0001-67
Acate - Rodovia SC 401, 4100 - Km4 - Florianópolis/SC


Termos de Uso | Políticas de privacidade | Segurança | Status